sexta-feira, 19 de setembro de 2014

COMO SE FAZ PARA NÃO DOER







BRILHOU
FEITO PIRILAMPOS
PELA ESTRADA
PERFUMOU
FEITO FLORES
PELOS CAMPOS
ME DANDO
ESTA SAUDADE DANADA
E EU ME PERGUNTO
COMO SE FAZ PARA
NÃO DOER
SÃO LEMBRANÇAS
DE VOCÊ
QUE GUARDEI AQUI
COMIGO
É COMO CHUVAS
SEM ABRIGO
INUNDANDO MEU PEITO
QUE VOA FEITO
GAIVOTAS AO VENTO
E COMO DOÍ AQUI DENTRO
ESTE VAZIO
ESTE FRIO
LONGE DE SEUS BRAÇOS
SOU APENAS FOLHAS
PELO ESPAÇO
QUERENDO O MAR ALCANÇAR
SERIA TRISTE NAUFRAGAR
SEM TE VER
POIS A LUA
DESENHOU VOCÊ
EM MEIO AS SOMBRAS QUE FICARAM
E QUE POR AI SE ESPALHARAM
DEIXANDO APENAS O PERFUME
QUEM SABE EU ME ACOSTUME
COM ESTA SOLIDÃO
E PARE DE SOFRER
MAS O QUE EU PRECISO SABER
É COMO SE FAZ... PARA NÃO DOER
DOÍ
CORROÍ
VAI ME DESFAZENDO
AOS POUCOS ESTOU MORRENDO
MAS É BOM
SEI QUE SEUS BEIJOS
EU VOU SENTIR
ASSIM... QUE EM VOCÊ EU RENASCER
ME AMA AGORA
NÃO  EMBORA
SEJA MINHA ESTRELA CADENTE
E VEM CAIR EM MEUS BRAÇOS
ENQUANTO ME REFAÇO

DESTA SAUDADE... QUE DOEU.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for blogspot, Blogger...