sábado, 17 de janeiro de 2015

QUANDO MEUS SONHOS ME DEIXARAM







QUANDO MEUS SONHOS
ME DEIXARAM
MINHAS LEMBRANÇAS SE
APAGARAM
COMO SE FOSSEM ESTRELAS
EM UM CÉU CINZENTO
E O VENTO PASSOU
APENAS SOPROU
PALAVRAS SEM NEXO
RETICENCIA E CIRCUNFLEXO
DEIXANDO DUVIDAS NO AR
QUANDO MEUS SONHOS
ME DEIXARAM
MERGULHEI EM UMA SOLIDÃO
PROFUNDA
ENQUANTO AS LÁGRIMAS INUNDA
O MEU PEITO
FEITO RESSACA DE UM MAR BRAVIO
FOI APENAS O VENTO FRIO
O DESEJO NÃO REALIZADO
FEITO PECADOS
QUE SEI NUNCA VAI PERDOAR
QUANDO MEUS SONHOS
ME DEIXARAM
SENTI QUE VOCÊ
IRIA DESAPARECER
NAS CURVAS
DAQUELA ESTRADA
FEITO DERRAPADAS
DESTE CORAÇÃO
QUE TANTO TE AMOU
E AGORA O QUE ME RESTA
E O SOL QUE ENTRA PELA FRESTA
E ILUMINA OS OLHOS MEUS
QUE LONGE DOS TEUS
ESTÃO SE APAGANDO
É A SAUDADE QUE VAI LEVANDO
AS COISAS QUE ME DEU
POR ISSO ESTOU CHORANDO

E VOCÊ SABE... DOEU.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for blogspot, Blogger...