segunda-feira, 21 de março de 2016

QUANDO A LUZ SE APAGA






ME DEIXE
ENTRE A ILUSÃO
DE TER VOCÊ
E ESTA SAUDADE
QUE VI NASCER
ASSIM QUE ESCURECEU
ME DEIXE
ENTRE OS SONHOS
E A REALIDADE
ENTRE AS RECORDAÇÕES
E AS LEMBRANÇAS
ENTRE AS SENSAÇÕES
BOAS
QUE TRAZ A ESPERANÇA
POIS QUANDO A LUA SE
APAGA
MINHA SOMBRA
VAI EMBORA
POIS SABE QUE LA FORA
NADA EXISTE SEM ELA
SÃO LÁGRIMAS
QUE NA JANELA
VÃO SE ESPARRAMANDO
EM VOOS SEM FIM
TIRANDO DE MIM
UM SUSSURRO
MURMURIO
UM LEVE... UM

SOPRAR.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for blogspot, Blogger...